Alexa
CONTATO: (31)3646.2330 | WHATSAPP: (31) 9960.8282
Dr Daniel Borges Plástica

Por que cirurgia plástica é uma questão de saúde?

Por: | 12 de janeiro de 2016

Cirurgia plástica para aumentar mamas, cirurgia plástica para tirar excesso de pele, cirurgia plástica para afinar o nariz, cirurgia plástica para emoldurar a barriga. Procedimentos considerados estéticos, mas que fazem muita diferença na saúde dos pacientes. Se você duvida, continue lendo este post!

Cirurgia plástica é, sim, um caminho para se alcançar a plena autoestima. Porém, se engana quem acredita que autoestima não seja uma questão de saúde.

Recentemente, o Sistema Único de Saúde (SUS) passou a oferecer cirurgia plástica reparadora a mulheres com sequelas de lesões resultantes de violência doméstica. São mulheres com traumas físicos e psicológicos que perdem a vontade de viver porque não se reconhecem mais em frente ao espelho. A depressão é uma doença que costuma acometê-las, com difícil tratamento de recuperação.

A propósito,a autoimagem das pessoas é uma questão muito séria que tem tornado muitas delas pacientes de consultórios psiquiátricos. Sejam pessoas que nasceram com alguma deficiência física ou que as adquiriram ao longo da vida, em função de acidentes ou doenças. Entre elas também estão indivíduos que não necessitam de deficiências físicas para se inconformarem com a imagem refletida no espelho. Mas foram levadas a acreditar que precisam se adaptar a um padrão estabelecido socialmente. Por isso, se acham feias, sem direito de ser felizes, se isolam e se punem por não serem do jeito que outras desejam que elas sejam.

Como a depressão é uma doença que merece muita atenção e tratamento, não se pode desconsiderar a cirurgia plástica como importante auxiliar nesse processo. Os motivos que levam uma pessoa a transformar seu corpo precisam deixar de serem considerados fúteis. Não importa mesmo se são para deixar o seio mais empinado ou a perna mais torneada. Se o seio ou a perna a deixam frustrada, ela precisa se sentir livre de julgamentos para levar o seu sonho do seio empinado e perna torneada adiante.

Um exemplo de cirurgia plástica que ainda é considerada tabu é a cirurgia íntima, também chamada de ninfoplastia. Existem mulheres que sentem vergonha da genitália e fogem de relações sexuais. Quando também se eximem do prazer, tornando o sexo uma situação de puro constrangimento e dor.

Por essas e outras situações, é que a estética e a elevação da autoestima devem ser levadas a sério e a frente por quem deseja ter qualidade de vida e se amar. Portanto, se a cirurgia plástica é o caminho necessário para alcançá-la, que esse caminho seja percorrido. E que o resultado traga o bem-estar e a vontade de se olhar no espelho de volta. Saúde é isso: estar bem consigo e com o mundo.

Leave a Reply